O Theatro José de Alencar recebe a exposição online “Bruta Flor”, do fotógrafo cearense Mateus Leandro, a partir desta quarta-feira (20). Aprovado na Lei Emergencial Aldir Blanc Ceará, no edital Cidadania Cultural e Diversidade, o projeto tem como foco a vida de Zé, de 62 anos de idade que, para seu sustento, há mais de 40 anos lava roupa no Açude Orós, Sertão do Ceará. As fotos estarão disponíveis no site do equipamento da Secretaria de Cultura do Ceará. 

Zé é uma figura muito carismática e querida na cidade de Orós (CE). Desde criança começou a utilizar as roupas que sentia vontade, não se limitando ao que lhe era imposto. Aos 15 anos de idade, sofreu expulsão de casa por assumir quem é para a família. Pela vida simples do trabalho com agricultura no Sertão, Zé nunca buscou um auxílio para compreender sua orientação sexual, bem como sobre sua identidade de gênero.

O Projeto “Bruta Flor” rompe com silêncio e vem com perspectiva de levar aos quatros cantos do mundo as durezas de ser transexual de meia idade no sertão do Ceará. Zé perpetua nos milhares de “Zés” que vivem na invisibilidade. Esquecido por falta de políticas públicas para pessoas LGBT na 3ª idade.

Por fim, o convite da Exposição para que conheçamos Zé é, ainda, um convite para contemplarmos a Natureza, uma vez que Zé é capturada pelas lentes do fotógrafo em um cenário de belezas naturais de Orós. Assim, que não nos confundamos,  Zé é Bruta Flor dessa Natureza e é, sozinha, um serTÃO.

Serviço:
Exposição Online “Bruta Flor”, de Mateus Leandro
A partir de 20/01, às 18hSite do Theatro José de Alencar (https://theatrojosedealencar.secult.ce.gov.br/