Respeitável público, o circo vai entrar na sua casa! No próximo domingo, 7, no canal do Youtube do Theatro José de Alencar acontece a programação virtual da  “Matinê do Riso – Da lona em casa”, uma programação que exalta a arte da palhaçaria. A transmissão ao vivo tem início às 14h e faz parte comemoração dos 110 anos do Theatro José de Alencar.

Com dramaturgia de Renato Abê, a matinê será apresentada pela palhaça e atriz, Lu Nunes, e o palhaço e curador da programação, Ricardo Bruno. Na programação, apresentações dos palhaços e grupos circenses de diversas gerações, de nomes com décadas de experiência a artistas que experimentam novas linguagens. Dentre eles, o Mestre Palhaço Pimenta, Grupo Desequilibrados, Palhaço Colorau, Coletivo K’Os, Palhaço Bibild, Orlângelo Leal, entre outros. 

Quem também participará é a Academia do Riso, que, em parceria com o TJA, realiza a residência de formação artística ‘Escola de Palhaçaria”. Haverá, ainda, uma homenagem ao Palhaço Trepinha, que chegou ao Theatro José de Alencar em 1970 e acabou se tornando um símbolo da casa.

A atividade é uma realização da Fundação Amigos do Theatro José de Alencar, em parceria com o TJA, equipamento da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará, a Associação dos Proprietários, Artistas e Escolas de Circo do Ceará – APAECE e o Centro Cultural Bom Jardim. 

➤ Doações

A Associação dos Proprietários, Artistas e Escolas de Circo do Ceará – APAECE, em parceria com a FATJA, é responsável pela campanha de arrecadação e distribuição de fundos para os circos e artistas circenses que estão em situação de vulnerabilidade devido à pandemia da COVID-19. As doações poderão ser feitas para a conta bancária da APAECE. Informações:
Facebook da APAECE.

Apresentações Circenses
14h – Cerimonial com falas de Andrea Vasconcelos e Alênio Carlos
14h20 – Palhaço Pimenta
14h40 – Alysson Lemos
14h50 – Fuscirco
15h – Palhaço Baratinha
15h20 – Pituca (Garajal)
15h30 – Desequilibradoz
16h – Palhaço Soneca
16h15 – Coletivo K’Os
16h45 – Circo Laguz
17h – Palhaço Colorau
17h15min – Teatro Plural
17h30min – Raimundo Novato
18h – Palhaço Barruada
18h15 – Trupe do Riso
18h30 – Academia do Riso
19h – Orlângelo Leal
19h10 – Documentário Circo Dalas
19h30 – Batuta
19h40 – Bibildo
19h50 – Homenagem ao Palhaço Trepinha 

Apresentações Circenses

14h20 – Palhaço Pimenta
Mestre Pimenta e Palhaço Piloto – Nesta apresentação do circo, os dois palhaços se metem em uma confusão, o mestre de cena Jorge Brasil tenta enganar os dois mas no final vocês verão o que acontece.
José de Abreu Brasil (Pimenta), Ricardo Bruno (Piloto), Jorge Brasil (Mestre de cena)

14h40 – Alysson Lemos
NULONUNCA – processo de criação.
 Alysson Lemos vídeo: 202B audiovisual

14h50 – FusCirco
Palhaços em casa – Cheios de vontade de ir brincar na rua, Pitchula e Rupi encontraram um jeito de fazer circo com objetos dentro de casa.
Henrique Rosa (Pitchula) e Amanda Santos (Rupi), Coletivo FusCirco.

15h – Palhaço Baratinha
Nasci para ser beijada – Dois amigos entram em uma confusão por causa de uma bela moça.
Wanderson Brasil (Baratinha), Wanderson Brasil (Amigo) e Beatriz Pereira (Moça).

15h20h – Grupo Garajal
Pituca e 60 dias de quarentena – Pituca se inventa e reinventa, faz de tudo para não ser devorada pela rotina, depois de 60 dias de quarentena.
Angelica Gadelha (Pituca) Ed. Arnaldo Moura.

15h30h – Grupo Desequilibradoz 
Espetáculo Junto e Misturado (Trecho) – Performance artísticas de números circenses.
Aldebaran Faustino (Leleco), Dielan Viana (Genisvalda), Rafael Melo (Tantan).

16h – Palhaço Soneca
Luta de Boxe – Uma luta muito louca.
Cicero Brasil (Soneca), Lucas MAteus (Lutador) e Cirio Junior (Juiz).

16h15 – Coletivo K’Os
E a Live era nossa? – Pipiu e Tramela estão muito animados, pois vão ver aquela “Live” maravilhosa no conforto de casa. Pararam tudo para assistir! De repente, veio a lembrança: “A Live era nossa! E agora? Não preparamos nada!” Como será que Pipiu e Tramela vão sair dessa? 
Aldrey Rocha (Pipiu) e Aline Campêlo (Tramela)

16h45min – Laguz Circo
Número Musical – A palhaça Burbuja e o palhaço Suspiro criaram uma atmosfera mágica, um encontro espontâneo com o público encantado pelo carisma do palhaço. a singela música feita pelo acordeon e buzinas,  contando com a comicidade e poesia da palhaçaria.
Felipe Abreu Pereira (Suspiro) e Romina Sanchez (Burbuja)

17h – Palhaço Colorau
Breve história do Palhaço Colorau – Colorau monta sua personagem alegre e cômica para lhe contar sua história.

17h15 – CIA. PLURAL DE ARTES CÊNICAS
A ÁRVORE DA VIDA, MIMOCLOWN – O número faz parte do espetáculo denominado “EM CLOWNSTRUÇÃO”, da CIA. PLURAL DE ARTES CÊNICAS. Nele são abordados temas como família, maternidade/paternidade, amor e da importância de se viver intensamente, diante da brevidade da vida.
Tonico Lacerda (Mimoclown)

17h30 – Raimundo Novato
Del Futuro – Artista de rua na cidade de Fortaleza, apresenta se em praças, escolas e espaços alternativos, payaso das 10 Graças de palhaçaria, a 8 anos com seu glorioso número, “mergulho no copo d’água, por causa da pandemia não pode mais apresentar na rua. Raimundo de sua sala em casa conta “mais uma grande besteira”.
David Santos (Raimundo Novato)

18h – Palhaço Barruada
Batidão Jackson – Barruada prepara uma live para a criançada mas seus amigos não estão preparados, então ele chama o palhaço mais bunitim da turma.
Levi Leite (Batidão), Diego Clayton – (Barruada), Kalynny Leite – (Lolyta)
Davi Barbosa – (Estopim), Grupo – Barruada Diversão

18h15 – Cia de Teatro Trupe do Riso
Arrumando a casa – O Palhaço biquara conta uma história animada e lúdica para a criançada e pessoas que amam sorrir.
Márcio Marinho(Biquara), ed e Direção Leyla Alencar,

18h30 – Mostra especial Virtual Academia do Riso: Tem Palhaço ai? – A academia do Riso pede licença para entrar na sua casa com a mostra “Tem palhaço ai”? Números criados por palhaços que passaram por nossas turmas, cada palhaço em sua casa, vai fazer você gargalhar de alegria.
Neto Holanda, Carlos Coreano (Sr. Putz), Yago Sira (Sibito), 
Milene Fernandes (Catita), Mendes Netto (Teretetéu), João Lucas Vieira (Roque), Mila Frota (Edith). Ed João Lucas Vieira, Realização Coletivo Paralelo.

19h – Orlângelo Leal 
 Live – Música excêntrica –  OrlÂngelo – (compositor, instrumentista e palhaço)
O termo “música excêntrica” aplica-se a números cênicos ligados diretamente ao humor como life motive da criatividade a exemplo dos Argentinos LesLuthiers e os Franceses da família Fratelini. No circo tradicional é comum que palhaços executem instrumentos estranhos, cantem paródias ou surpreenda o público com suas habilidades musicais. OrlÂngelo apresentará alguns pontos de inquietação e convergência que movem suas pesquisas entre a cena e o som a partir do espetáculo “Autômato – programado para divertir”

19h10 – Documentário Circo Dalas
O filme doc. Circo Dalas retrata a história de um dos poucos circos mambembes que ainda resistem no Estado do Ceará. Contando com a participação de apenas três artistas em cena (o pai, Cícero Lima – palhaço Risadinha; a mãe, Leudiência Silva – Diana; e o filho, Matheus Silva – palhaço Moranguinho), o circo faz a alegria dos moradores carentes pelo interior. Com direção de Bruno Monteiro, com trechos dos espetáculos mambembe, Circo Dalas alegra e emociona com depoimentos dos personagens que lutam para que sobreviva a tradição.

19h30 –  Batuta 
#CESTOU – #CESTOU, aqui é com “C” de clown, que aqui é palhaço. Que aqui é maltratado, mal pago. Mal sabendo o bem que aqui se faz aqui se paga. Paguem. Paquem para ver, ouvir, rir,… Não mexe comigo que eu não rio só.

19h40 – Palhaço Bibildo 
Lá vai o Bibildo – Um dos mágicos mais atrapalhados da história da magia. Bibildo um palhaço que se acha um grande mágico, mas que é um trapalhão, Entre números de desaparecimentos de objetos, transformações e até hipnotismo ele leva a plateia a grandes gargalhadas e surpresas.
Dyego Stefan (Biblido).

19h50- Homenagem ao Palhaço Trepinha – Wilame filho do palhaço Trepinha faz uma homenagem a seu pai.